A JORNADA

Escolha o idioma

Mensagem

      

LIVRO II

Resultado de imagem para livro imagens

LIVRO II

NOVA JORNADA

Jesus, em outra referência ao recebimento do Espírito Santo, deu uma ordem aos Seus discípulos, “Eis que envio sobre vós a promessa de meu Pai; permanecei pois, na cidade, até que do alto sejais revestidos de poder.” (Lucas 24:49). Aproximadamente cento e vinte discípulos obedeceram a ordem de Jesus, e no dia de Pentecoste, na cidade de Jerusalém, a quase dois mil anos, Jesus cumpriu Sua promessa.
“Ao cumprir-se o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos no mesmo lugar; de repente veio do céu um som, como de um vento impetuoso, e encheu toda a casa onde estavam assentados. E apareceram, distribuídas entre eles, línguas como de fogo, e pousou uma sobre cada um deles. Todos ficaram cheios do Espírito Santo, e passaram a falar em outras línguas, segundo o Espírito lhes concedia que falassem.” (Atos 2:1-4).
A passagem acima registra o começo de uma das maiores experiências disponíveis ao homem, pois o cumprimento da promessa teve começado apenas com estes primeiros cento e vinte. Joel profetizou toda a carne (Joel 2:28). Jesus disse que todo o que pede, recebe (Lucas 11:10). No mesmo dia de Pentecoste, o dia do derramamento inicial, Pedro falou da continuação da promessa. Muitas pessoas curiosas cercaram aqueles que receberam para ver o significado de toda a comoção. Pedro aproveitou-se da oportunidade para explicar que o que ocorre é o que foi dito pelo profeta Joel, e que Jesus, a quem eles crucificaram injustamente, foi Senhor e Cristo. Eles, compungidos em seus corações, rogaram a Pedro e aos demais Apóstolos o que deveriam fazer. (Atos 2:37). Pedro respondeu que se eles se arrependessem e se batizassem em o nome de Jesus, eles também receberiam o dom do Espírito Santo. Ele até levou a promessa além das três mil que a aceitaram naquele dia (Atos 2:41), “Pois para vós outros é a promessa, para vossos filhos, e para todos os que ainda estão longe; isto é, para quantos o Senhor nossos Deus chamar.” (Atos 2:39). ‘Todos os que ainda estão longe” inclui todas as nações desde aquele dia até agora. A promessa existe para todos os que a desejem, porque Deus está chamando a todos ao arrependimento (II Pedro 3:9).
Muitas pessoas creram e receberam a promessa durante o tempo dos Apóstolos. Os discípulos tendo recebido poder para serem testemunhas ao descer o Espírito Santo sobre eles (Atos 1:8), levaram o evangelho do Senhor Jesus Cristo a todo o mundo conhecido. Filipe levou a mensagem a Samaria onde muitas pessoas creram e foram batizadas. Quando os Apóstolos ouviram que Samaria havia recebido a Palavra de Deus eles enviaram Pedro e João para orarem para que eles recebessem o Espírito Santo, “Então lhe impunham as mãos, e recebiam estes o Espírito Santo.” (Atos 8:17). Assim os Samaritanos, antes considerados excluídos da vida eterna pelos Judeus, se tornaram participantes da promessa do Pai.
Pedro ainda entregou a mensagem do Senhor Jesus à casa gentia de Cornélio. Não obstante, não o fez até que Deus lhe havia enfatizado por uma visão que a promessa de Deus pertencia a todo o homem criado por Deus, não importando nação, tribo ou língua. Finalmente; tendo entendido esta verdade de Deus, Pedro foi a Cesaréia. Enquanto Pedro estava ainda lhes falando das coisas de Cristo, a Espírito Santo caiu sobre os que ouviam a Palavra (Atos 10:44). Deus provou de uma vez por todas que Ele não faz acepção de pessoas (Atos 10:34).
Deus até permitiu que Saulo, um dos perseguidores da Igreja primitiva, fosse cheio do Seu Espírito. Saulo; cujo nome foi mudado para Paulo, confessou que era o principal dos pecadores antes de Deus o salvar (1 Timóteo 1:15). Contudo, Deus lhe encheu com o Espírito Santo (Atos 9:17) e o fez um grande missionário do evangelho do Senhor Jesus Cristo. Levou a mensagem a muitas nações. Em Atos capítulo dezenove lemos dele levando a verdade do Espírito Santo aos discípulos de João Batista em Êfeso. Ao encontrar-se com eles, Paulo inquiriu-lhe se haviam recebido o Espírito Santo quando creram. Descobrindo que eles nem sequer tinham ouvido que existia o Espírito Santo, Paulo explanou-lhes a Palavra de Deus mais perfeitamente. Então, sobre a confissão de sua fé em Jesus Cristo, ele os batizou no nome de Jesus, impondo-lhes as mãos, e eles receberam o dom do Espírito Santo. Saulo, o perseguidor da fé Cristã, se tomou Paulo o propagador do evangelho de Jesus Cristo.
Na Igreja primitiva, a promessa do Espírito Santo era disponível a todos que obedeceram a Deus (Atos 5:32). Muitos obedeceram e muitos receberam. A promessa ainda está disponível hoje a todos que obedecem a Deus. Milhares estão obedecendo e milhares estão recebendo!

 

Pesquisa no site

Presente de Deus

Promessas

Devocional

Visitantes online

Temos 82 visitantes e Nenhum membro online

Ver quantos acessos teve os artigos
2267472

TEXTOS DO PASTOR

Heróis da Fé

MENSAGEM BÍBLICA DE CURA

 

Deu-lhe o nome de Noé e disse: "Ele nos aliviará do nosso trabalho e do sofrimento de nos­sas mãos, causados pela terra que o Senhor amaldiçoou". Genesis 5:29